CREATE ACCOUNT

FORGOT YOUR DETAILS?

Cisco CleanAir, Event Driven RRM e Persistent Non-WiFi Interference

by / quinta-feira, 03 dezembro 2015 / Published in Cisco, Configuração, Uteis, Wireless

O Cisco CleanAir é um sistema com componentes em software e hardware que permite que os access-points identifiquem interferências não WiFi. E temos muitos dispositivos não WiFi (fornos micro-ondas, dispositivos bluetooth, telefones sem fio e câmeras sem fio, entre outros)  utilizando as bandas 2.4 GHz e 5 GHz.

Um access-point convencional (sem CleanAir) no máximo consideraria estas interferências não WiFi como “ruído”. Já os equipamentos com CleanAir, trabalhando junto com a controladora, conseguem classificar como interferência, dizer que tipo de dispositivo é, e até a área afetada (quando integrado com Prime e MSE).

Com base nestas informações a WLAN Controller pode tomar a decisão de mudar os canais que os access-points estão usando,  e assim evitar a interferência.

Habilitando o CleanAir

Vá em Wireless > 802.11b/g/n (ou 802.11a/n/ac) >  CleanAir e marque as opções CleanAir e Report Interferers.

WLC - CleanAir

No entanto, apesar dos access-points estarem monitorando o ar o tempo todo, e enviar reportes para a controladora a cada 15 segundos, a controladora tem o seu tempo para fazer a mudança de canal (10 minutos é o intervalo padrão e o menor intervalo possível para rodar o algoritmo de mudança de canal).

WLC - DCA

Isso significa que caso um interferência seja identificada, pode levar até 9’59’” para que a controladora tome uma ação. E ai entra o Event Driven RRM.

Event Driven RRM

O Event Driven RRM é uma forma de acelerar a mudança de canal, com base na qualidade do ar.

Caso uma interferência identificada e classificada (CleanAir) faça com que a qualidade do ar fique abaixo do limite estabelecido, o ED-RRM força a mudança de canal. Isso ocorre em 30 segundos.

Importante dizer que a mudança de canal é não aleatória, e sim uma escolha baseada nas informações do ambiente. A WLC sempre tentará utilizar o melhor canal para cada access-point.

Uma vez feita a troca de canal, o ED-RRM tem um tempo de espera de 60 segundos antes de ser executado novamente, e além disso, o evento é registrado, evitando que o AP afetado volte a usar o canal impactado nas 3 horas seguintes.

Habilitando o ED-RRM

Vá em Wireless > 802.11b/g/n (ou 802.11a/n/ac) > RRM > DCA e marque a opção EDRRM.

WLC - EDRRM

Podemos ainda escolher a sensibilidade (limite da qualidade do ar) para que o EDRRM entre em ação. As opções são Medium (qualidade do ar = 50), High (65) e Low (35).

Persistent Device Avoidance

Outra funcionalidade que apenas access-points com CleanAir tem é o Persistent Device Avoidance.

Como já mencionando acima, o CleanAir é capaz de identificar e classificar as interferências não WiFi. Graças a este inteligência o sistema (APs / WLC) consegue identificar dispositivos que estão causando interferência e voltarão/continuarão a causar (dispositivos persistentes).

Com esta informação, e se a função Persistent Device Avoidance estiver habilitada, a interferência será marcada para que os access-points que foram afetados pela interferência não voltem a usar o canal.

O canal só será liberado para uso novamente se a interferência não voltar a aparecer por 7 dias.

Habilitando o Persistent Device Avoidance

Vá em Wireless > 802.11b/g/n (ou 802.11a/n/ac) > RRM > DCA e marque a opção Avoid Persistent Non-WiFi Interference.

WLC - Avoid Persistent Device

Importante dizer que reiniciar a WLC ou o access-point apaga as referencias de interferências persistentes.

Mais informações sobre CleanAir no Wireless Network Design Guide.

Até a próxima.

Deixe uma resposta

TOP