CREATE ACCOUNT

FORGOT YOUR DETAILS?

(E o foco?) A regra mais básica de um projeto WiFi é: Não utilize o mesmo canal em access-points que estão próximos. Contudo, como temos apenas 3 canais (1, 6, 11) que não se sobrepõe em 2.4 GHz, quando temos mais de 3 access-points acabamos tendo a reutilização de canais. Se estes access-points estiverem próximos,

O Cisco CleanAir é um sistema com componentes em software e hardware que permite que os access-points identifiquem interferências não WiFi. E temos muitos dispositivos não WiFi (fornos micro-ondas, dispositivos bluetooth, telefones sem fio e câmeras sem fio, entre outros)  utilizando as bandas 2.4 GHz e 5 GHz. Um access-point convencional (sem CleanAir) no máximo

Conceitos de WLAN

sexta-feira, 02 agosto 2013 por

Apesar da primeira transmissão sem fio ter ocorrido em 1870, apenas em 1997 o IEEE definiu o primeiro padrão 802.11, especificando como um sinal seria enviado em 2.4GHz. E é incrível como nestes 16 anos esta tecnologia evoluiu e se tornou comum. Curiosidade: Muitos padrões de rede são 802.xxxx. Sabem a razão de seguir este

É comum que a autenticação nas redes sem fio corporativas seja feita com as mesmas credenciais de acesso ao computador. Ou seja, integrada ao LDAP. Isso melhora a segurança, uma vez que não é utilizada uma chave compartilhada, facilita a vida do usuário, que usa as mesmas credenciais para logar no computador e entrar na

Os diferenciais da rede sem fio Cisco

quarta-feira, 28 novembro 2012 por

Desde sua criação, o padrão 802.11 e os equipamentos para rede sem fio vem evoluindo. E atualmente já vemos o interesse na substituição da rede cabeada por um rede totalmente sem fio. Na minha opinião, ainda não estamos neste ponto, mas sem dúvida as redes sem fio hoje são bem estáveis e em alguns casos

Quando utilizamos uma controladora, além da facilidade da gerência centralizada, é mais fácil verificar como está a conexão de um usuário. Porém, mesmo em access-points em modo autônomo podemos conseguir informações sofre a conexão do usuário. Para isso temos dois comandos: show dot11 associations e show dot11 associations mac-address-do-usuario. O primeiro comando mostra os usuários

Gigabit WiFi – 802.11ac

terça-feira, 02 outubro 2012 por

Há exatos 3 anos era finalizada a padronização do 802.11n, que permite teóricos 600 Mbps de throughput em redes WiFi. Agora, um novo padrão está saindo do forno do IEEE, que permitirá as redes WiFi atingirem até 6900 Mbps (em teoria). Isso mesmo, quase 7 Gbps. Se o 802.11n era necessário pela necessidade de banda

Fazendo backup e atualizando uma WLC

quarta-feira, 28 março 2012 por

Fazer o backup das configurações e atualizar o software de uma WLAN Controller – Cisco, é bem simples. Estes procedimentos podem ser realizados por linha de comando (CLI) ou pela interface gráfica (GUI), como ilustrado abaixo. Para fazer o backup basta um computador com um TFTP Server instalado, e conectado diretamente a porta de serviços

802.11n, enfim, é aprovado

quarta-feira, 16 setembro 2009 por

O IEEE anunciou no dia 11 deste mês que o padrão 802.11n foi ratificado. Os estudos em torno desta tecnologia duraram sete anos, e neste período foram criados mais de 10 drafts. O “novo” padrão para redes sem fio pode permitir tráfego de até 300 Mbps e melhora a cobertura da área, em relação as

TOP